5 passos para transformar a Gestão de RH em estratégia para a sua empresa

Posted by Angelo Scaramussa
at Monday January 22nd, 2018.

Sorry, this entry is only available in Brazilian Portuguese. For the sake of viewer convenience, the content is shown below in the alternative language. You may click the link to switch the active language.

A área de recursos humanos da sua empresa se limita a desempenhar papéis administrativos, de contratação e de pagamentos? Se exerce “somente” esse perfil operacional, sua gestão pode estar desvalorizando a principal função do RH: a de desenvolver e potencializar seu maior ativo, as pessoas.

Neste post, você saberá como transformar seu RH para que ele maximize o desempenho dos seus colaboradores, fazendo com que sua organização obtenha os melhores resultados.

Passo 1. Entenda a gestão de RH como estratégia

A gestão estratégica de pessoas significa identificar e fortalecer talentos, de maneira individualizada, porém de forma alinhada à necessidade estratégica de cada área da empresa.

Uma gestão estratégica de RH precisa buscar o alinhamento entre os desafios da organização e as aspirações de suas pessoas, de forma compartilhada com a liderança.

O RH estratégico tem como principais missões:

  • Desenvolver políticas, processos e ferramentas com foco no essencial e que apoiem os líderes a exercerem seu principal papel, gerir pessoas para que desenvolvam comportamentos que levem a empresa a alcançar seus objetivos;
  • Gerenciar a cultura organizacional e assegurar a adesão por parte das suas pessoas para obter ambiente coeso, harmônico e alinhado aos objetivos da empresa;
  • Gerenciar o clima organizacional para obter o engajamento, considerado por inúmeros estudos como fator essencial para a obtenção de desempenho desejado pela empresa.

Pesquisas recentes demonstram que há uma conexão direta entre a eficiência da área de recursos humanos e o desempenho dos resultados da empresa. Se você ainda não tem uma gestão de talentos, está mais do que na hora de implementar uma transformação da gestão de pessoas.

 

Caso queira saber mais detalhes sobre a importância do RH estratégico, também chamado de RH do futuro, leia nosso blog post clicando aqui.

Passo 2. Posicione as pessoas e o RH estrategicamente

Para promover as primeiras iniciativas para essa implementação do RH do futuro, você deve posicionar pessoas estrategicamente. Elas precisam ter visão global da empresa e dos seus objetivos.

  • Forme o time da transformação com uma liderança envolvida, que tenha claridade de pensamento e senso de direção, além da sua propensão a riscos. Este líder terá uma grande missão: mudar o mindset da alta administração até as ações da linha de frente;
  • Identifique quais são os anseios das partes envolvidas: entenda os diferentes requisitos de cada parte do negócio e como cada atividade de trabalho afeta a organização. Saiba objetivamente a missão da empresa e seus valores;
  • Comece a alinhar a participação e abordagens do RH ao modelo de negócios da empresa. Para isso, projete como as ferramentas específicas da gestão de pessoas vão prover o engajamento e produtividade de cada setor;
  • Avalie as necessidades e oportunidades da estratégia da empresa, considerando a estrutura organizacional da mesma, ou seja, cada área e cada cargo.
  • Mude o mindset da alta administração sobre a relevância de uma gestão de RH presente em cada novo projeto ou no dia a dia das unidades da empresa também é algo que deve estar inerente às ações de transformação do RH.
  • Analise a base de informações de RH já existente sobre as pessoas, de modo a identificar características – positivas e negativas – daqueles que se desligaram da empresa ou que já se destacaram, por exemplo. Conheça com mais detalhes o perfil dos atuais e ex-colaboradores.

O RH precisa estar envolvido nos planejamentos estratégicos das áreas, de modo que possa identificar “vácuos” de talentos e capacitar as pessoas certas para que empresa tenha vantagem competitiva frente os futuros desafios dos negócios.

Com essas informações, você conseguirá propor mudanças em processos de trabalho dentro e fora do departamento de RH. Transformar o RH operacional em estratégico significa torná-lo mais eficiente e efetivo por meio padronização de processos e pelo uso de tecnologias gerenciais.

Não deixe de considerar tendências da força de trabalho e as mudanças de legislação. As transformações continuam ocorrendo, mesmo que hoje você esteja se adequando a elas.

Passo 3. Conheça dos obstáculos:

Devemos, ainda, ressaltar os principais obstáculos para a transformação do RH. Quando você os tem em mente, torna-se mais fácil superá-los:

  • O baixo engajamento das lideranças
  • Capacidade limitada de atingir a linha de frente
  • A percepção de cada parte da organização sobre o papel e valores da gestão de pessoas
  • Falta de habilidades dentro do próprio departamento de RH
  • Atitude de prontificação e disponibilidade do RH para com as diversas unidades

Com base nesses limitantes, partimos para a próxima fase de implementação do RH estratégico que também visa executar ações para a mitigação de eventuais problemas.

 

 

Passo 4. Crie e implemente novos processos, ferramentas e parceiros:

  • Elabore as novas estratégias com base nos dados analisados e no perfil de cada cargo e área, além da missão e valores;
  • Redesenhe os processos internos e defina quais serão os indicadores de performance. Medir os desempenhos é essencial para garantir os resultados da empresa;
  • Implemente novas ferramentas tecnológicas, tais como plataformas de gestão de pessoas, que possibilitem o acompanhamento individual de competências e resultados, automatizando processos;
  • Defina as necessidades de desenvolvimento de talentos do próprio RH e aqueles de cada cargo da empresa conjuntamente aos gestores de cada área;
  • Você também pode terceirizar algumas atividades relacionadas à gestão de pessoas que estejam fora do escopo e objetivos principais do seu RH estratégico. Por exemplo, processos extensos de seleção de candidatos ou processos burocráticos relacionados à legislação trabalhista, comuns ao RH operacional.
  • Defina programas de recompensas para aqueles com boa performance e resultados. Isto deve ser desenvolvimento e acompanhado junto aos gestores das unidades, mas sempre valorizando a meritocracia dos resultados individuais e em equipe. Uma ótima opção é o desenvolvimento de um plano de remuneração variável compatível com as metas de cada setor. O reconhecimento do trabalho do colaborador é fundamental para sua motivação.

Passo 5. Acompanhe as novidades

  • Mantenha o setor de RH aberto às tendências de mercado, que ocorrem em nível globalizado. Isso garante a constante adaptação dessa área estratégica na empresa;
  • Por meio da gestão de talentos de cada colaborador, garanta que a pessoa certa esteja no lugar certo. Isto requer o acompanhamento de comportamentos e habilidades técnicas específicas para cada cargo. Ou seja, desenvolva continuamente seus funcionários;
  • Integre a gestão de pessoas a um modelo de liderança bem delineado, que favoreça a alta performance com elevado desenvolvimento dentro da estratégia da empresa;
  • Recrute novos colaboradores a partir das visões estratégicas da empresa e dos cargos;
  • Acompanhe periodicamente as métricas de resultados do próprio setor de RH, tais como custo da área, custo de pessoal da área, satisfação dos funcionários – antes e depois da implementação, mas deve ser cotidiana -, a efetividade do programa de gestão de pessoas estabelecido, efeitos na linha de frente oriundos das iniciativas da gestão de RH, entre outros;
  • Sempre que possível, capacite ainda mais seus colaboradores com o que há de novo no mercado ou com novos treinamentos que são essenciais para a realização de atividades de forma mais eficiente;

Você precisa reconhecer que, para essa transformação ser efetiva, o mindset de toda organização precisa mudar para incorporar o RH como estratégico às atividades e metas de cada área.

Fique atento às necessidades dos profissionais de RH. Eles podem precisar de algum tempo para abraçar essa maneira revolucionária prestar seus serviços. No entanto, uma vez que essas novas estratégias estão em vigor, o setor de RH estará melhor equipado para reduzir os custos e elevar o nível de serviço em cada unidade.

E se ainda tem dúvidas sobre como implantar cada um desses passos, você ainda pode contratar um serviço de consultoria com auxiliar a implementação do RH estratégico e, assim, garantir uma transformação segura e efetiva.

Next Post

Related Posts

Share

LinkedIn

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Keep updated!

Get our news