Crescer de uma forma orgânica e racional faz com que a empresa esteja preparada para tempos de crise

Posted by Driely Barbosa
at Friday March 3rd, 2017.

Sorry, this entry is only available in Brazilian Portuguese. For the sake of viewer convenience, the content is shown below in the alternative language. You may click the link to switch the active language.

Tempos de crise. A economia brasileira encolheu mais de 7% nos últimos dois anos e o medo de uma recessão de ordem global se tornou a preocupação número um dos CEOs em 2017. Para entender melhor como a consultoria tem ajudado empresas a otimizarem seus ganhos e gerirem de forma eficiente seus recursos, conversamos com Marcelo Frade, consultor sênior da Mereo.

tempos de crise

Enfrentar desafios e desenvolver novas habilidades fazem parte da rotina de Frade, engenheiro eletricista de 34 anos que vem trilhando uma carreira de sucesso há doze anos na área de gestão, dentre os quais cinco como consultor. Frade tem pós-graduação em finanças corporativas pelo Red River College (Canadá) e, hoje, aplica a experiência adquirida em trabalhos desenvolvidos em países como Rússia, Bélgica e República Checa, além de empresas como Gerdau e AB InBev, na otimização de resultados dos clientes Mereo.

Conversamos com o consultor a respeito de sua rotina na gestão de projetos, do panorama da consultoria no Brasil e sobre o desafio de trabalhar com culturas diferentes. Confira.

Você atua em diferentes áreas da gestão como Gestão de Processos, de Performance e Gestão Financeira. Você enxerga essa multidisciplinaridade como característica dos profissionais do futuro?

Os profissionais que já trabalharam em diferentes áreas conseguem ter uma melhor visão dos impactos das ações de uma área na outra. E com a velocidade de tomada de decisão necessária nas empresas, esta visão é extremamente importante para o dia a dia de um consultor.

tempos de crise

Atualmente, você lidera dois projetos de impacto: um na área de Redução de Despesas em empresa do setor financeiro com mais de 400 funcionários, e outro na de Desdobramento de Metas em uma Companhia de Comércio Exterior. Como você aplica sua experiência nesses projetos?

A experiência adquirida no Canadá, num projeto em que tive que lidar com operários e com o VP da planta me ajuda hoje a lidar com diferentes hierarquias, sabendo qual comportamento necessário para prender a atenção de cada um deles. Da mesma forma, a experiência que ganhei na execução de projetos no leste europeu me fez saber lidar melhor com diferentes culturas. Posteriormente, ao trabalhar em uma multinacional, pude entender um pouco mais o lado do cliente e a razão pela qual algumas atitudes são importantes no dia a dia da empresa.

Você já passou por algumas empresas de consultoria e, como cliente, liderou projetos com consultoria de classe mundial em sua trajetória. Como você avalia a Mereo comparada aos grandes players mundiais?

A Mereo é formada por consultores experientes e práticos que, desde o início, utilizam a tecnologia para acelerar os ganhos de seus clientes. Ao desenvolver seu Software de Gestão, a empresa se propõe a catalisar o ganho potencial de seus clientes. Essa ferramenta, quando aplicada de forma estratégica junto à consultoria, elimina o tempo necessário para desenvolvimento de controles, um diferencial da Mereo.

Para algumas empresas, a consultoria, em tempos de crise, é vista como supérflua e deve ser cortada. Para outras, é vista como um diferencial que fomenta os resultados do negócio. Na sua opinião, qual o valor da consultoria no contexto de recessão econômica?

Em momentos de crise, a consultoria pode ajudar na visualização de problemas na empresa e a otimizar os seus resultados em áreas que antes não eram focos de atenção. Em momentos de crescimento, a consultoria pode atuar na otimização de margens e na preparação para períodos de cortes de custo.

Acredito que o melhor momento para se preparar para a crise é na fase de crescimento. Crescer de uma forma orgânica e racional faz com que a empresa esteja preparada para os tempos de crise.

Há no mercado várias empresas de consultoria. Algumas de grande porte, outras mais especializadas (boutiques). Quais seriam os diferenciais das melhores empresas? E como a Mereo se insere nesse cenário?

O foco no cliente e a ajuda na captura das oportunidades encontradas, em minha opinião, é o diferencial das melhores empresas de consultoria. Além disso, consultoria é essencialmente venda de capital intelectual e conhecimento, por conseguinte, ter um corpo técnico capacitado e ético é um diferencial para adquirir a confiança do cliente e levar resultados ao mesmo. A Mereo se caracteriza como um corpo técnico experiente e de comportamento ético, o que cria confiança e parceria junto a seus clientes.

E então, gostou dessa entrevista sobre a consultoria em tempos de crise? Você pode se interessar também pelo perfil de Harlen França, consultor sênior Mereo.

tempos de crise

 

Previous Post
Next Post

Related Posts

Share

LinkedIn

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Keep updated!

Get our news