Motive sua equipe e gere mais resultados com a remuneração variável

Posted by Marcos Tadeu
at Thursday December 14th, 2017.

Sorry, this entry is only available in Brazilian Portuguese. For the sake of viewer convenience, the content is shown below in the alternative language. You may click the link to switch the active language.

Você sabia que uma das principais razões para se adotar a remuneração variável é vincular a recompensa ao esforço realizado para conseguir determinado resultado?

Normalmente, esses programas são úteis para estabelecer e comunicar as prioridades da organização. Além disso, eles podem vincular os custos de pessoal com os resultados, o que significa que a remuneração aumentará alinhada aos lucros das empresas.

Neste post, confira como implantar com sucesso o programa de remuneração variável na sua empresa e saber se ele está dando resultados para o seu negócio.

Adotando o programa de remuneração variável correto

Você sabe as principais diferenças entre os programas de remuneração variável mais usados? Vamos lhe ajudar com isso:

O PLR (Remuneração variável com Participação nos Lucros e Resultados) é o tipo de remuneração mais comum. É utilizado como base de cálculo o lucro ou demais resultados (vendas, metas de desempenho, etc).

Pode ser concedida no máximo duas vezes ao ano e deve contemplar todos os funcionários da empresa. Uma das razões pelas quais é mais popular é o fato de não haver incidência de encargos trabalhistas e previdenciários. Ainda, o sindicato deve aprovar junto à empresa as diretrizes de aplicação da PLR e pode participar da comissão.

Os bônus são gratificações oferecidas com base nas metas definidas pela organização e podem ser pagos sem restrições à critério da gestão. Recai sobre esta modalidade tributação sobre o valor pago. Além disso, é determinado por um período ao final do qual pode ser reduzido. O bônus permite realinhar as metas conforme as circunstâncias de mercado.

Por último, o Stock option. O aumento da participação de empresas brasileiras de capital aberto na bolsa de valores sofisticou ainda mais o sistema de remuneração de altos executivos. Esses têm a possibilidade de comprar ações de suas empresas com condições mais vantajosas.

É uma forma de remuneração de gestores através de contratos de opção de compra de ações da própria empresa. Em geral, o executivo não pode fazer a retirada antes de um período que varia de 3 a 5 anos. Incentiva os gestores a agirem como donos e tem isenção fiscal.

De acordo com nossa consultoria em remuneração variável, a recompensa pelo resultado vem dando certo porque tanto empresas quanto funcionários enxergam valor nesse sistema. Isso significa ficar com os “louros da vitória” ao ter sucesso em determinado projeto e obter o reconhecimento financeiro disso.

Maior motivação dos funcionários

Um bom programa de remuneração variável permite que as organizações mantenham o equilíbrio entre o alcance dos resultados planejados e a motivação dos colaboradores. E para manter esse equilíbrio, as organizações devem levar em consideração fatores que envolvem tanto o aspecto motivacional quanto o financeiro.

Esses fatores podem ser traduzidos nos seguintes itens:

  • Construção do Planejamento Estratégico bem elaborado onde a visão de médio/longo prazo não ultrapasse a capacidade da organização;
  • Tradução do Planejamento Estratégico em objetivos anuais, com o propósito de buscar metas desafiadoras que motivem todos os colaboradores;
  • Divulgação das regras definidas, ou seja, “as regras do jogo”, sobre a remuneração variável baseada no alcance dos resultados;
  • Promoção de um ambiente de competição saudável por meio da avaliação dos resultados obtidos;
  • Alocação de recursos dos gestores com o objetivo de fornecer condições aos colaboradores para a busca dos resultados.

Cada um dos fatores que vimos acima são essenciais para se promover o equilíbrio entre o alcance de resultados e a motivação dos colaboradores, considerando que uma empresa se sustenta, a princípio, com pessoas realmente motivadas. Essa motivação, por sua vez, tem papel importante na construção de uma organização sustentável, gerando resultados satisfatórios para os stakeholders.

Acompanhando os objetivos

A empresa deve efetuar um acompanhamento dos objetivos globais definidos e dos objetivos individuais negociados e contratados periodicamente. Isso é feito para verificar o desempenho com base na projeção realizada. E então, efetuar correções no plano conforme alterações de mercado ou cenário nacional e internacional que afetem diretamente os negócios – ou até mesmo variáveis que não foram consideradas no desenho dos objetivos.

A gestão de resultados sistemática é fundamental para o sucesso do plano de PLR. Devem ser identificados e solucionados os desvios, bem como monitorados os resultados e a motivação dos envolvidos durante o ano. Para isso é necessário que a comunicação seja transparente, ágil e eficaz.

Agora que você já sabe como implantar a remuneração variável com sucesso na sua empresa, uma plataforma de gestão integrada é o que falta para facilitar o processo e alavancar ainda mais o seu negócio. Já sabe qual escolher? A Mereo pode ser justamente o que você está procurando!

Next Post

Related Posts

Share

LinkedIn

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Keep updated!

Get our news